Validação Periódica – Simulador de Pista – INMETRO

Viemos através deste alertar e comunicar que muitos clientes estão realizando validações com situação “Não Conforme”, devido a erros do operador na hora da execução da validação. O erro ocorre por descuido do operador, não sendo defeito ou problema de medição com o simulador de pista.

Evite transtornos, gastos desnecessários ou perda de receita devido a “Não Conformidade” gerada por descuido na validação periódica. Consulte o seu operador de ensaio e verifique se ele está realizando corretamente o procedimento.

Pedimos atenção especial na realização da validação. Confiram os valores gerados e verifiquem se esses valores estão coerentes. Na grande maioria dos casos, o problema está no procedimento de operação com a trena laser, onde o operador se descuida e não percebe o valor irregular do perímetro do pneu gerado pela trena laser, e acaba gerando a validação “Não Conforme”.

O Edital INMETRO 04/2015 exige que a realização dos ensaios seja bloqueada, até que o problema seja corrigido. Deve ocorrer a intervenção do fabricante, emitindo relatório de manutenção e a realização de 10 validações (5 com aro igual ou meno a 17,5 e 5 com aro maior ou igual a 22,5). Tanto o relatório de manutenção quanto os relatórios de validação devem ser realizados e enviados ao INMETRO no mesmo dia.

Em caso de validação “Não Conforme”, pare a atividade de ensaio e comunique a Moss do Brasil. Só a partir da intervenção do técnico no simulador de pista, com o envio dos documentos ao INMETRO, é que o posto poderá voltar a realizar os ensaios. O posto não obedecendo as exigências do edital vigente, poderá ser bloqueado ou até mesmo perder o credenciamento com reincidências.

 

Moss do Brasil

Tecnologia a serviço da vida.

(47) 3523-1128 / (47) 3522-6036

(47) 3521-6893 / (47) 3522-7232

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *